Publicidade

Blog de Dennis Allan

Geral

Dennis Allan

Dennis Allan é Formado em Comunicação pela Northern Illinois University (EUA).

Trabalha com ensinamento bíblico (palestras, administração do site www.estudosdabiblia.net, edição de livros e revistas de ensinamento da Bíblia.

É um trabalho independente, não vinculado a nenhuma denominação ou instituição religiosa. Escreve sobre a Bíblia -- história, interpretação e aplicação prática.

  • Por Dennis Allan
    Foto Divulgação

    O estrangeirismo fakenews está na moda, especialmente durante o período de eleições. Essa expressão inglesa, que significa "notícias falsas", é apenas um novo rótulo para identificar um antigo tático. Para comunicar a mesma ideia, poderíamos usar outras palavras como calúnia, maledicência ou, simplesmente, mentira. 

     

    Candidatos ou seus apoiadores divulgam mentiras e comentários tirados do contexto para denigrir a imagem dos seus adversários. Muitos descartam a honestidade e decência em sua busca por poder.

     

    Fakenews não se limita à esfera política, nem ao século 21. Alguns exemplos de outras áreas servirão para nos alertar sobre o perigo de divulgar mentiras.

     

    O Homem de Piltdown foi uma fraude que afetou pesquisas científicas durante décadas, sendo apresentado como evidência de um suposto elo perdido entre primatas e seres humanos, na defesa da teoria darwiniana da evolução. Os supostos fósseis foram mostrados no Museu de História Natural de Londres depois da sua "descoberta" em 1912, e apresentados em textos científicos como evidência a favor da teoria da evolução. Quarenta anos depois, a fraude foi provada.

     

    Em 1999, a respeitada revista NationalGeographic anunciou a descoberta, na China, dos fósseis do Archaeoraptorliaoningensis, uma espécie apresentada como o elo entre dinossauros e aves. A pessoa que supostamente descobriu o esqueleto dessa criatura, de fato, colou 88 pedaços de ossos de várias criaturas diferentes para formar sua evidência fraudulenta. 

     

    Uma estória, repleta de gravações de áudio entre o capitão de um navio norte-americano e o responsável por um farol espanhol circula como prova da arrogância imperialista. Mas, não passa de uma lenda urbana que tem surgido em diversas formas durante mais de 85 anos!

     

    Aparece com frequência em blogs de autoajuda, sites de colégios e artigos religiosos a história da renovação da águia, que diz que essa ave toma uma decisão aos 40 anos de se isolar e tirar suas unhas e bico para poder continuar vivendo e chegar aos 70 anos de vida. Pode ser uma bela estória para incentivar pessoas a tomar decisões difíceis, mas é pura mentira! 

     

    Defensores da Bíblia são suscetíveis ao mesmo tipo de engano. Durante mais de 80 anos, tem circulado uma história (melhor dizer, estória) sobre cientistas terem descoberto provas astronômicas da história de um dia prolongado em Josué 10:12-14. As versões mais comuns dessa estória envolvem um "erro" descoberto por um computador da NASA. Vi essa notícia de fakenews pela primeira vez mais de 40 anos atrás, e encontro a mesma falsa notícia em e-mails e blogs de religiosos até hoje. Eu não tenho noção de como Deus prolongou o dia na batalha de Josué, mas a minha fé no criador do universo não depende de uma mentira circulada na internet.

     

    Diante do perigo de contribuir à divulgação de mentiras, quero oferecer algumas sugestões baseadas em ensinamentos bíblicos:

    (1) Procure múltiplas testemunhas confiáveis antes de espalhar notícias. Moisés, Jesus e Paulo ensinaram o princípio de estabelecer a verdade com duas ou três testemunhas (Deuteronômio 19:15; Mateus 18:16; 2 Coríntios 13:1-2).

    (2) Tenha cuidado para não ser enganado por falsas testemunhas, mesmo quando são muitas (Salmo 27:12; Mateus 26:60; Tito 1:10).

    (3) No caso de disputas entre pessoas, ouça os dois lados antes de chegar a uma conclusão (Provérbios 18:17).

    (4) Examine seus motivos e evite comportamento que provoca brigas (Provérbios 26:20; 6:16-19). 

     

    Seja na política, em negócios, na ciência, na história ou na religião, devemos falar a verdade e rejeitar mentiras em todas as suas formas: "Por isso, deixando a mentira, fale cada um a verdade com o seu próximo" (Efésios 4:25). 

Blog dos Colunistas

Publicidade

Horóscopo

Escorpião
23/10 até 21/11
Assuntos familiares estão em destaque, mas se quiser...

Ver todos os signos

Publicidade