Euro R$ 3,85 Dólar R$ 3,26

Publicidade

Economia

À procura de presentes para as mães

Por Najaska Martins - najaska@jornalbomdia.com.br
Foto Najaska Martins

Comércio aberto neste sábado deve alavancar as vendas para a data considerada a segunda mais importante do ano para o setor

 

Salário na conta e comércio aberto na tarde de sábado. A combinação não podia ser melhor para alavancar as vendas na data que é considerada a segunda melhor do ano para o varejo: o Dia das Mães. Já na tarde da última sexta-feira (05) era possível perceber maior movimentação nas lojas de Erechim, que projetam acréscimo de até 40% em seus negócios.

Entre os itens mais procurados o destaque vai para os setores de vestuário e perfumaria, além das tradicionais flores. Entretanto, outros artigos, como eletrônicos, joias e livros também estão na lista de possíveis presentes. A estimativa da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Erechim é de um incremento de em torno 10% a 15% nas vendas para a data em comparação com o ano passado.

De acordo com a presidente da entidade, Lindanir Canelo, o valor médio das compras será de aproximadamente R$ 100 para os adultos, enquanto as crianças investirão cerca de R$ 35. “Essa é a projeção da CDL para todo o Estado, levando em conta que adultos costumam apostar mais em peças de vestuário, calçados e utilidades domésticas, enquanto as crianças vão à procura de cremes, sabonetes e perfumes, por exemplo”, destaca a dirigente.

Ela salienta ainda que para este ano as vendas poderão ser alavancadas pela entrada do dinheiro de FGTS inativo e destaca um diferencial: “A aposta é em compras de valores não tão altos com pagamento à vista, ou nos carnês e condições das próprias lojas, como uma maneira de evitar o cartão de crédito”, pontua, destacando ainda o apelo das vitrines. “Os lojistas capricharam em suas ações e estão otimistas para a data, que para nós é como se fosse um ‘2º Natal’”, comenta.

Segundo ela, o clima também tem colaborado para as boas expectativas. “Além de a data ser muito importante, já que é muito raro que alguém deixe de comprar algo para sua mãe, o frio tem ajudado especialmente as lojas de vestuário, já que muitos buscam opções para que as mães possam usar durante o inverno”, destaca Lindanir

Perfumaria

No setor de perfumaria as apostas são os kits de perfumes e de cremes. Em uma loja de Erechim, de acordo com a vendedora Priscila Rodrigues a expectativa é de grande procura pelo comércio neste sábado (6). A média de valores que o cliente está disposto a gastar preço varia entre R$ 100 e R$ 120. “Muitos deixam para a última hora, mas neste ano já tem gente se adiantando”, salienta a lojista.

Flores

No setor de floriculturas o momento ainda é de pesquisas. Segundo a proprietária de um destes estabelecimentos, Simone Zanchet, o carro-chefe das vendas são as orquídeas. “Já estamos recebendo algumas opções, mas em geral as vendas ocorrem mesmo na sexta e no sábado antes da data, já que por serem plantas o consumidor deixa para comprar mais em cima da hora. Agora os consumidores estão pesquisando preços, pensando em opções”, pontua.

Joias

Quanto às joias, os principais destaques são os colares com pingentes relacionados à maternidade. Em uma joalheria localizada no centro de Erechim, os bonequinhos de filhos estão entre os itens mais procurados. “Já tem cliente vindo pesquisar e até comprando. Acreditamos que com o comércio aberto no sábado, as vendas serão boas”, projeta a gerente, Josiane Smaniotto.

Segundo ela, outro diferencial de quem busca estes tipos de presentes são as destinatárias. “Além dos filhos – adultos e crianças - que vêm comprar presente para as mães, é bem comum que as próprias mães venham buscar presentes para presentear as noras, ou as sogras”, explica.

Roupas e calçados

Já em uma loja de roupas e calçados, a maior procura são para as peças de inverno, especialmente coletes, casacos e botas. “A movimentação já começou a aumentar, mas a tendência é de que as vendas se intensifiquem ainda mais a partir deste sábado e na próxima semana. Estamos muito otimistas, pois em geral Dia das Mães promove um aumento de até 30% a 40% nas vendas em relação ao resto do ano”, estima a gerente, Cleusa Dutra.

Leia também

Publicidade

Publicidade

Blog dos Colunistas