Publicidade

Segurança

pc.jpg

Operação Regresso localiza 38 pessoas que estavam em situação de desaparecimento

Por Polícia Civil
Foto Imagem ilustrativa

Durante esta segunda-feira (26), policiais civis da 11ª região policial participaram de uma operação policial, denominada “Regresso”, e que foi desencadeada em todas as regiões do Estado do Rio Grande do Sul, objetivando a localização de pessoas desaparecidas.

Foram executadas diligências em nove municípios da região de Erechim, e empregados 25 policiais civis, entre delegados de polícia e agentes, lotados em doze delegacias de polícia da 11ª região policial. Os policiais executaram diversas diligências nos endereços dos desaparecidos, de seus familiares e de vizinhos. Foram realizadas também pesquisas em redes sociais e sistemas informatizados.

A região de Erechim possuía até a presente data um passivo de 58 desaparecimentos, entre crianças, adolescentes e adultos. E somente na presente data, com a realização da operação policial em tela, foram elucidados mais de 65,5% dessas ocorrências, perfazendo um total de 38 pessoas localizadas. Foram encontradas 16 crianças/adolescentes e 22 adultos que estavam desaparecidos de acordo com os sistemas policiais.

A operação de hoje objetiva ainda conscientizar a população para a importância de se registrar as localizações de pessoas em situação de desaparecimento. Alguns dos desaparecidos encontrados hoje haviam retornado ao lar há mais de três anos, e não compareceram a uma delegacia de polícia registro do fato. A subnotificação de ocorrências de localização acarreta diretamente em diversas diligências policiais desnecessárias e, indiretamente, em prejuízos a outras investigações de maior vulto, como crimes patrimoniais e contra a vida.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas