Publicidade

Segurança

Enteado é condenado por tentar matar padrasto

Tentativa de homicídio simples ocorreu em dezembro de 2013

juri.JPG
Por Da redação
Foto Kaliandra Alves Dias

Na tarde de ontem (09), o Tribunal do Júri condenou Leandro Godim Kohl (33), a três anos em regime aberto por tentativa de homicídio simples. O crime ocorreu em 18 de dezembro de 2013, por volta das 22hrs próximo aos trilhos da RFFSA Loteamento Copas Verdes em Erechim.

De acordo com denúncia do Ministério Público, baseada no inquérito da Polícia Civil, Leandro tentou matar Pedro Cabral (55) com golpes de faca. Em juízo, Leandro alegou que foi atacado por Cabral. “Fui ao bar comprar cigarro, sai de lá após o Pedro ter realizado várias ameaças de morte. Estava vindo por aquela estrada escura, e não sei como ele surgiu. Eu vou nele, derrubo no chão e tomo a faca. Daí eu dou o primeiro golpe no pescoço, ele tentou fugir e eu puxei pela camisa e dei outra facada. Quando olhei para traz, vi um farol de carro, e sai do local e joguei a faca fora”.

Já em depoimento realizado na tarde de ontem, o réu admitiu que havia desferido os golpes de faca na vitima, porém, alegou que “não tinha percebido que era o Pedro, só vi uma pessoa vindo em minha direção. Quando desferi o segundo golpe vi que era ele e fugi do local”. Segundo o réu e a própria vítima, está não foi a primeira vez que Leandro tentou matar Pedro. De acordo com Pedro Cabral, há alguns anos Leandro lhe desferiu uma facada.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas