Publicidade

Saúde

Vacinação contra Influenza é prorrogada até o dia 15 de junho

DSC_0315.jpg
Por Assessoria
Foto Divulgação

Devido a paralisação dos caminhoneiros em todo o Brasil, o Ministério da Saúde resolveu prorrogar a Campanha de Vacinação Contra a Influenza (gripe) que deveria ser encerrada no último dia 1º, para o dia 15 deste mês.

A informação foi dada pelo secretário municipal da Saúde de Erechim, Jackson Arpini na manhã desta segunda, 4, ressaltando que as regras serão as mesmas adotadas até então.

O objetivo é vacinar as pessoas dos grupos prioritários, ou seja, idosos com 60 anos ou mais, gestantes, puérperas até 45 dias após o parto, crianças de seis meses a quatro anos e 11 meses e 29 dias, trabalhadores da saúde, indígenas, pessoas portadoras de doenças crônicas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas e professores de escolas públicas e privadas.

Devido ao número levantado até o momento, o que ficou além do esperado, Arpini faz um apelo aos grupos de risco, em especial, crianças e gestantes, que estão com a metas aquém do preconizado, para que compareçam as unidades de saúde a fim de realizarem a imunização contra a influenza A e B.

“Com a chegada da temperatura mais fria, a vacina passa a ser uma importante medida de prevenção, evitando o aparecimento de enfermidade, doenças respiratórias decorrentes, internações e, em casos mais graves óbitos”, pontua.

Após o dia 15, a vacinação será aberta para a população que não está enquadrada nos critérios elencados como prioritários.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas