Publicidade

Cultura

Projeto No Cinema e na Vida mobiliza através da arte cinematográfica

Por Assessoria de Imprensa
Foto Divulgação

Procurando trabalhar a cultura através das películas do cinema, o Projeto No Cinema e na Vida tem movimentado a comunidade acerca da arte que, descoberta no final do século 18, transformou a humanidade acerca do que a circundava em todo o mundo.

O projeto foi selecionado no Fundo de Apoio as Artes e a Cultura de Erechim, que teve sete projetos selecionados. Instituído pela Lei Municipal de número 4.828 de 30 de novembro de 2010, possui regras e critérios apresentados no edital, que foram analisados e aprovados pelo Conselho Municipal de Política Cultural – CMPC.

Os recursos do Fundo foram destinados a projetos que tivessem o objetivo de fomentar, incentivar e estimular a produção artística e cultural material e imaterial do município de Erechim.

No Projeto No Cinema e na Vida, tendo como proponente Maria Emilia Bottini, ocorre a exibição de filmes para a comunidade com debates ao final, como a realização de oficinas sobre cinema e literatura.

O mesmo é desenvolvido na sala anexa à Biblioteca Municipal, Gladstone Osório Mársico, quinzenalmente nas quintas-feiras às 19h, e na Escola Estadual de Ensino Médio Irany Jaime Farina, às 14h todas as segundas-feiras. A última ocorreu na semana passada.

Com relação a exibição de filmes, seguido de debate, o projeto teve início no dia 05 de novembro de 2017, com a participação de 261 pessoas com a realização de 16 sessões, mais as mediações externas. Foram projetados cinco filmes de curta metragem e mais 11 de longa metragem.

No próximo dia 21 será a vez do Cine Paradiso, a partir das 19h. Entre os filmes do Projeto: A cidade é uma só, A cor do paraíso, A partida, A vida é bela, Encontremos Forrester, Ensaio da orquestra, Hamani, cerejeiras e flor, Intocáveis, Mar adentro, Menos que nada, Tempos modernos, Um momento pode mudar tudo, Um sonho de liberdade, Uma família de dois, Vinhas da Ira, entre outros.

Maria Bottini é psicóloga, Mestre em Educação pela Universidade de Passo Fundo, Doutora em Educação pela Universidade de Brasília. Autora do livro No Cinema e na Vida: a difícil arte de aprender a morrer.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas