Euro R$ 3,65 Dólar R$ 3,27

Publicidade

Rural

De pai para filho

Por Rosa Liberman
Foto Rosa Liberman

Rodrigo Farina, 29 anos, reside com os pais no interior de Erechim, Vale do Dourado. Na propriedade também em outra residência tem seu irmão Rafael, 34 anos, com a esposa Susana e a filha Valentina. Todos trabalham juntos na produção de leite. Rodrigo e Rafael já trabalharam fora de casa, mas ambos decidiram voltar e trabalhar na própria propriedade e seguir a atividade dos pais.

Rodrigo que se formou em engenharia agrícola e chegou a trabalhar em outra propriedade como funcionário, mas não tendo retorno financeiramente, voltou para casa. Já seu irmão trabalhou em uma fábrica na cidade e, pelo mesmo motivo, voltou para casa. Ele diz que é uma sorte ter esta oportunidade, de poder voltar para casa e trabalhar com a família, mas para muitas outras famílias isso não é possível. “Na escola muitos colegas diziam que não podiam fazer isso, porque o outro irmão já ia ficar na propriedade e ela era pequena não tendo condições de todos irmãos continuar em casa e assim, o outro teria que sair do meio rural, mesmo sendo contra sua vontade”, conta.

Na lida, toda família trabalha com a produção de leite. São 36 animais em lactação com uma produção de 950 litros/dia. A média é de 26 litros/vaca/dia. “Sempre gostei de trabalhar com gado de leite, gosto da atividade e ampliamos a produção e não penso em trabalhar com outra coisa”, diz.

A família investe em tecnologia e alimentação para manter uma produção elevada e garantir o bem estar dos animais. Logo, Rodrigo pretende construir sua própria casa, também no terreno e continuar na atividade com os demais integrantes da família.

 

 

Publicidade

Publicidade

Blog dos Colunistas