0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Publicidade

Beleza Feminina

cabelo

Inverno sem problemas capilares

Por Assessoria de Imprensa
Foto Divulgação

Saiba como cuidar das madeixas danificadas por conta da estação

Embora muitas pessoas reclamem do efeito do calor e da umidade sobre os cabelos, quando o verão sai de cena, os fios perdem o brilho, o movimento e o volume. A estação mais fria do ano traz consigo o frizz, a opacidade capilar e a aspereza, comprometendo a beleza dos fios. Felizmente, há como contornar a situação. Para quem cuida dos cabelos em casa, a especialista em tratamentos capilares naturais do SpaDios, Renata Souza, dá algumas dicas.

Fios mascarados

A hidratação é o principal aliado na hora de fornecer uma aparência de fios saudáveis. “Geralmente, recomendamos a aplicação de máscara capilar uma ou duas vezes por semana, dependendo da necessidade”, sugere. Segundo ela, prestar atenção nos rótulos dos produtos é fundamental para entregar os fios o que eles realmente necessitam. “Ingredientes como castanha-do-pará, chia, queratina e aminoácidos devem estar nas fórmulas das máscaras de hidratação”.

Fique atenta ao atrito

A falta de umidade do ar faz com que os fios percam mais água e ganhem o indesejado frizz. Isso faz com que o atrito entre o ar e o cabelo aumente. “Recomendo que a pessoa utilize uma fronha de cetim nos travesseiros na hora de dormir. Isso faz com que o atrito estático entre os fios e o tecido diminua, evitando os fios arrepiados”, esclarece a hair specialist.

Temperatura da água e do secador

Embora seja mais confortável tomar um banho quentinho, a água do chuveiro também não pode ser muito elevada. “A água quente dilata as cutículas dos fios, deixando os cabelos opacos e ressecados”, diz a especialista. O ideal é quando ela está morna para que o tempo debaixo da água seja agradável e saudável. Já para o secador, opte pelo jato de ar na temperatura média. “Do mesmo jeito que a nossa pele não suporta o contato direto e forte com o calor, os cabelos tendem a ficar ressecados quando em contato com o jato quentíssimo e forte do secador”, finaliza Renata Souza.

Leia também