20°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Publicidade

Esportes

Em jogo eletrizante, Atlântico vence o Cascavel fora de casa nas semifinais da LNF

teste
Jogo da volta está marcado para a semana que vem
Por Ascom
Foto Divulgação

Nem o mais otimista torcedor imaginaria o que aconteceria no jogo entre Cascavel e Atlântico, na noite de hoje (27), no Paraná. A partida teve simplesmente 17 gols, com placar de 10 a 7 para o Galo, que com isso, amplia a vantagem que já tinha de atuar em casa na partida da volta, dia 4 de dezembro, no Caldeirão.

Para o ala Richard, autor de um dos gols, a partida foi atípica pela quantidade de gols, mas salienta que o Galo merecia algo “bom no jogo”, pelo volume que criou desde o início da partida.

Agora os dois times têm uma semana de trabalho pela frente até a segunda e decisiva partida em Erechim, na próxima segunda. Os ingressos para o jogo estão à venda pelo site oficial do Atlântico, apenas para o torcedor do Galo.

 

O jogo

Para tentar fazer o menor texto possível, é preciso resumir tudo o que aconteceu em Cascavel, nesta segunda. A 0min49 Gessé abriu o placar para os donos da casa. Mas a 1min33 William faria o gol de empate. Dois minutos mais tarde, outra vez William recebeu e chutou cruzado para virar o placar. A 4min33, Jean Gaúcho recebeu no ataque e marcou um belo gol, 3 a 1. O Cascavel colocou mais emoção no jogo buscando novo empate, com gols de Jhony e Selbach. A 10min07 jogada ofensiva e Richard marcou o dele, 4 a 3.

 

Último empate

Dois minutos mais tarde, viria o último empate do jogo, com gol de Carlão. Depois disso, o Galo passou a se manter à frente no placar. Fez o quinto gol com Chape a 14min02, o sexto com Neguinho aos 15min12 e o sétimo outra vez com Neguinho aos 18min38. Zequinha daria números finais no primeiro tempo marcando no último minuto.

A 5min03, Vitinho descontou para o Cascavel. Porém, aos 9min14 em troca de passes, Chape fez mais um para o Galo. Thales descontou aos 9min49. Mas o Galo marcaria mais dois, com Chape aos 13min e Suelton cobrando tiro livre aos 14min59.

Publicidade

Publicidade

Blog dos Colunistas