22°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 4,34 Dólar R$ 3,84
22°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 4,34 Dólar R$ 3,84

Blog do Rodrigo Finardi

Se queremos continuar mais varejo e menos atacado, é bom todo mundo correr para comprar um pires, pa

Erechim nunca será forte se a região não for forte

Por Rodrigo Finardi
Foto Rodrigo Finardi

O estrategista eleitoral, Paulo Di Vicenzi, que trabalhou na campanha vitoriosa do prefeito de Erechim, nas eleições de 2016, tem o costume de ler a coluna para acompanhar como anda a política local. Ontem, encaminhou mensagem via WhatsApp, sobre artigo que escrevi com o título “está na hora dos partidos amadurecerem e pensarem além da eleição”.

Quando o barco não sai do lugar

Di Vicenzi, no largo de sua experiência disse que: “muito oportuno teu comentário de hoje provocando os partidos a pensarem além da próxima eleição. Se pensam em desenvolver e fazer Erechim evoluir, a linha do horizonte deve ser os próximos 25 ou 50 anos. Enquanto cada um remar por conta para o seu cantinho o barco não sai do lugar”.

Cada um protegendo sua igrejinha

E foi além: “É preciso visão mais longa e comando para determinar uma única direção. Partidos e políticos devem pensar menos no varejo e mais no atacado. Erechim nunca será forte se a região não for forte. Precisa deixar um pouco o ego de lado, parar de buscar migalhas de votos pulverizados entre número excessivo de competidores que só fulminam a representação política da região. Erechim pode e deve assumir o protagonismo liderando um movimento com foco regional. Enquanto cada um continuar pensando apenas em proteger a sua igrejinha, o tempo passa e Erechim não sai do lugar. Por que é tão difícil cair essa ficha? ”, escreveu Di Vicenzi.

De forma efetiva e não da boca para fora

Colocação certeira. E que sirva para que os políticos reflitam. Façam uma reflexão verdadeira. Pensem o que querem para Erechim de forma efetiva e não da boca para fora. Se queremos continuar mais varejo e menos atacado, é bom todo mundo correr para comprar um pires, para continuarmos mendigando migalhas em órgãos públicos estaduais e federais.

-------------------------------

Projeto para o Erechim do futuro

Conversando com um empresário que leu a coluna de ontem (24) sobre um projeto a longo prazo dos partidos de Erechim, teceu alguns comentários: “Tenho visto atitudes, comportamentos, entidades e outras disputando migalhas de miséria...uma lástima”.

Para esse empresário o próximo prefeito terá que ser forte:  “Prefeito sozinho contra todo este sistema egocentrista não vai fazer muita coisa. Precisamos de um grande projeto para o Erechim do futuro.

 

Se arrasta o edital de escolha da agência de publicidade

Continua se arrastando o edital para escolha da agência de publicidade para prestar serviços para a prefeitura de Erechim. Depois de ser retificado por duas vezes, ainda em abril as empresas que não venceram o certame entraram com recursos e contrarrazões e até agora não se tem resposta do fim da licitação. E já se passaram quase dois anos e meio do governo.

Verdadeira roleta russa

Alguns meses atrás retratei aqui nesse espaço, que uma árvore que estava crescendo na rótula do INSS (Rua Torres Gonçalves e Avenida Tiradentes) estava atrapalhando os motoristas, pois tirava a visão, podendo causar acidentes. A prefeitura fez a retirada da árvore e a visibilidade ficou excelente. Agora é possível enxergar os carros que trafegam pela Avenida Tiradentes. Antes era uma verdadeira roleta russa. 

Curso de formação política

Na noite de ontem (24) o PSB realizou na Câmara de Vereadores de Erechim curso de formação política. O público alvo foram os candidatos à vereança em 2020 e filiados do partido. Também foi discutido o planejamento para o pleito municipal do próximo ano e realizado ato de novas filiações partidárias.  

-----------------

Grandes empresas devem meio trilhão de reais para a Previdência

O deputado federal Dionilso Marcon (PT), acompanhado do vereador Lucas Farina esteve na manhã de ontem (24) na redação do Jornal Bom Dia. Falou sobre a questão das barragens (teve audiência pública em Erechim na parte da tarde de ontem), a reforma da previdência e os cortes na educação pelo governo federal.

Prevenir problemas nas barragens

Sobre a questão das barragens, ainda sob o efeito da tragédia de Brumadinho, Marcon frisou que é momento de fiscalizar, pois se tiver falhas é necessário se prevenir para que não ocorram outros acidentes: “O MAB já vem há muito tempo alertando para esses problemas”.

Risco de não fechar ano letivo

Com relação aos cortes na educação, afirma que irá afetar diretamente aos filhos dos trabalhadores que hoje estudam nas universidades públicas. Alerta que universidades novas, como a UFFS de Erechim é quem mais precisa de recursos e sem eles correm o risco de não fecharem o ano letivo.  

Apenas 30% vão se aposentar no Brasil

Um dos temas que permeia qualquer roda de conversa é a Reforma da Previdência. Para Marcon: “sou totalmente contra. Tem que atacar em outras frentes. O governo deveria cobrar quase meio trilhão de reais que as grandes empresas devem para a Previdência. Como estão propondo é o fim da aposentadoria para os trabalhadores. Apenas 30% das pessoas do Brasil irão conseguir se aposentar. A previdência tem que continuar pública e social, pois é um investimento E não deixar na mão de bancos privados”, finaliza.     

Dos 31 deputados federais eleito, Marcon foi o mais votado nos 32 municípios do Alto Uruguai com 4.999 votos.

--------------

O pódio das reclamações

Em 2019, a Ouvidoria do Executivo erechinense realizou 337 atendimentos (em 2018 foram 1104 e em 2017 outros 816 atendimentos). E o setor com maior número de demandas foi a saúde com 198 pedidos, seguido da Obras (53) e Meio Ambiente (42). A maioria reclamações e pedidos de serviços. De todos os pedidos que chegaram ao órgão, 63% foi resolvido e 37% está pendente.

Maus tratos com animais

Só de maus tratos com animais, a Ouvidoria recebeu nesse ano 106 reclamações, Fiscalização da dengue (a falta dela) foram 27 reclamações. E a conduta do servidor público, 12 vezes foi acionada a Ouvidoria.

Edital de água e esgoto

O secretário de Obras Públicas de Erechim, Vinícius Anziliero, o chefe de gabinete do prefeito Roberto Fabiani e o Procurador do município Luiz Carlos Coffy estiveram na última quinta-feira no TCE (Tribunal de Contas do Estado), para ver sobre a suspensão da licitação de tratamento de água e esgoto de Erechim, ocorrido ainda em janeiro do ano passado. De concreto, documentos que o município encaminhará na próxima semana, para depois quem sabe, colocar novamente o edital na rua.

Vice-presidente da FAMURS é do Alto Uruguai

Aconteceu na Famurs (Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul), nesta sexta-feira (24), a eleição para ratificar o nome do presidente e vice-presidentes indicados pelos partidos políticos para o comando da Federação na gestão 2019/2020.  Entre os nomes da nova diretoria que tomará posse no mês de julho, está o prefeito de Barra do Rio Azul, Marcelo Arruda, que foi indicado pelo PTB e representa a região do Alto Uruguai: “irei fortalecer as demandas do Alto Uruguai junto à entidade”, afirma Marcelo.

 

Blog dos Colunistas

Publicidade

Horóscopo

Peixes
20/02 até 20/03
Faça rápido todas as reflexões de que...

Ver todos os signos