Publicidade

Rural

Curso oferecido pelo Cetre de Erechim mobiliza produtores mineiros

MD_20180208104520cetre___curso_secagem_e_armazenagem_de_graos___terezinha_volk.jpg
Por Governo do RS
Foto Divulgação

A Emater RS-Ascar abriu o calendário 2018 do Centro de Treinamento de Agricultores de Erechim (Cetre) com o curso de Secagem e Armazenamento de Grãos. A capacitação começou na terça (6) e termina nesta quinta-feira (8), com a participação de 19 produtores, sendo dois de Minas Gerais. José Geraldo Zangrandi, 53 anos, e seu filho Átila Augusto Zangrandi, 23 anos, do município de Jesuânia, percorreram mais de 1,2 mil quilômetros para participar do curso.

Na cidade mineira, pai e filho cultivam arroz, em uma área de 60 hectares. Eles vieram ao Rio Grande do Sul em busca de conhecimento, especialmente sobre a construção de silos. José Geraldo contou que a intenção é construir um silo com capacidade para armazenar seis mil sacas de arroz. O produtor destacou as vantagens que o armazenamento na propriedade pode proporcionar à família, como ganhos econômicos, de logística e tempo.

“Hoje, a gente colhe, seca e já comercializa”, explicou. Outro benefício, segundo ele, é a redução do tempo de cultivo. Além de participar do curso no Cetre, os mineiros vão conhecer silos destinados ao armazenamento de arroz em Santa Cruz do Sul. José Geraldo elogiou a infraestrutura do Cetre. O produtor disse que, além do conhecimento adquirido, vai levar para Minas Gerais o contato com os técnicos da Emater RS “para manter vínculo”.

As orientações práticas e teóricas são repassadas pelos instrutores Carlos Angonese, Cláudio Kochhann, Antônio Pandolfo e Murilo Marcon. Nos três dias de atividade, foram abordados temas como conhecimento do grão, coletas de amostras e padronização de métodos, secagem de grãos, manejo integrado de insetos e roedores e aspectos construtivos na armazenagem de grãos. Também integra a programação uma visita, nesta quinta-feira (8), à unidade armazenadora da família Bandiera e de Josemar Testolin, localizadas em Paulo Bento.

A Emater RS orienta os produtores a construírem silos de acordo com as necessidades de cada propriedade rural, e desenvolve projetos de crédito e de unidades armazenadores. “O produtor que tem silo consegue guardar o grão com qualidade e baixo custo”, destacou Angonese, ao citar que as próximas edições do curso estão agendadas para 19 a 21 de junho e 17 a 19 de julho.

Capacitações

Neste ano, o Cetre, que é coordenado por Jorge Silvano Silveira, passa a oferecer os cursos de Plantas Medicinais, Aromáticas e Condimentares, que será realizado de 2 a 4 de outubro; e Dieta da Vaca Leiteira, que será ministrado em dois módulos. O módulo 1 acontece nos dias 10 e 11 de maio e 2 e 3 de agosto. E o módulo 2, em 21 e 22 de junho ou 16 e 17 de agosto.

O Cetre oferece cursos de Bovinocultura de Leite; Boas Práticas de Fabricação; Panificação e Processamento de Farináceos (pães); Panificação e Processamento de Farináceos (biscoitos e bolachas); Citricultura; Produção Artesanal de Bolos e Tortas; Massas Frescas e Salgados; e Gestão de Agroindústrias. Os cursos contam com o apoio do Sicredi e da Cresol.

Mais informações pelo telefone (54) 3321-0973 ou site www.emater.tche.br, no link dos Centros de Treinamento

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas