Publicidade

Ensino

Região se destaca em levantamento do TCE na educação infantil

Quatro municípios do Alto Uruguai estão entre os que mais investem por aluno na educação infantil no Estado

Investimento em educação infantil em Floriano Peixoto é de mais de R$ 20,7 mil por aluno
Por Najaska Martins - najaska@jornalbomdia.com.br
Foto Divulgação

O Alto Uruguai tem quatro municípios entre os 20 que mais investem por aluno na educação infantil no Rio Grande do Sul: Floriano Peixoto, Três Arroios, Quatro Irmãos e Carlos Gomes. Isso é o que aponta o Perfil da Educação Pública no Rio Grande do Sul, lançado na última quinta-feira (2), pelo Grupo de Trabalho da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon) e do Instituto Rui Barbosa (IRB). Além do gasto médio por município na educação infantil e ensino fundamental, a pesquisa identificou também aspectos relacionados a infraestrutura das escolas.

Em Floriano Peixoto, segundo município que mais investe por estudante nesta etapa, esse valor chega a R$ 20,757,50 para 49 alunos matriculados nas escolas da rede municipal. O terceiro lugar é ocupado por Três Arroios que investe R$ 16.286,52 em 63 estudantes. Já Quatro Irmãos, que ocupa a sexta posição no levantamento, investe em seus 81 alunos da rede municipal a quantia de R$ 15.994,11. Na 14ª colocação, o município de Carlos Gomes contabiliza um investimento de R$ 13.905,47 em 40 estudantes matriculados nesta etapa da educação na rede municipal. Os recursos ultrapassam a média de investimento por aluno no Estado, que alcança R$ 6.903,73 para a educação infantil. As informações constam no Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação (SIOPE), uma das bases de dados utilizadas pelo estudo.

O prefeito de Floriano Peixotto, Orlei Giaretta, explica que o investimento nesta etapa da educação se dá por ser a educação uma das áreas prioritárias do município. “O fato de termos um número pequeno de alunos, de certa forma, favorece isso, mas a educação e, especialmente esta etapa, têm prioridade, por se tratar do início da trajetória escolar do estudante, então acabamos fazendo tudo que está ao nosso alcance, seja em infraestrutura, materiais, ou formação para professores”, destacou.

Já o prefeito de Três Arroios, Lírio Zarichta, explica que além de a educaçãos er uma das prioridades, os investimentos visam atender a legislação e o Plano Nacional de Educação. Neste sentido, ele explica que são feitos investimentos ligados à qualificação dos professores, atividades complementares, infraestrutura e alimentação. Ele adianta ainda que com a conclusão de uma nova escola, prevista para o ano que vem, a projeção é de que o município atenda 100% das crianças de 0 a 5 anos, com perspectivas de que até sobrem vagas.

O prefeito de Quatro Irmãos, Adilson de Valle, ressalta que os dados são reflexo de uma priorização da educação no município, e têm relação também com o fato de estudantes da educação infantil serem atendidos em tempo integral, bem como alunos até o 5º ano do ensino fundamental. O alcance de recursos federais, segundo o prefeito, também permitiu melhorar a infraestrutura das escolas, além de investimentos tanto na parte física quanto nas questões pedagógicas, além de transporte, merenda escolar e atividades complementares.

Por fim, o prefeito de Carlos Gomes, Egídio Moretto, destacou que o município investe nesta etapa da educação por entendê-la como fundamental para a formação dos alunos ao longo da vida escolar. Citou também investimentos em transporte, merenda escolar, formação continuada dos professores, além de programas complementares à educação, o que demanda investimento de mais recursos por aluno.

 

 

Município

Investimento por aluno

Alunos matriculados em escolas da rede municipal

Santa Tereza

R$ 34.062,06

36

Floriano Peixoto

R$ 20.757,50

49

Três Arroios

R$ 16.286,52

63

Quatro Irmãos

R$ 15.994,11

81

14º

Carlos Gomes

R$ 13.905,47

40

 

 

Publicidade

Blog dos Colunistas