Publicidade

Erechim

EMEI Bôrtolo Balvedi inaugura marco em homenagem ao centenário de Erechim

EMEI Bôrtolo Balvedi inaugura marco em homenagem ao centenário de Erechim
EMEI Bôrtolo Balvedi inaugura marco em homenagem ao centenário de Erechim
Por Assessoria de Imprensa
Foto Divulgação

Um espetáculo de cores, sons e muita magia encantou aos que estavam no Centro Cultural 25 de Julho na noite do último dia 25 para o encerramento do projeto pedagógico anual da Escola Municipal Bôrtolo Balvedi. E neste ano ele foi inspirado no Centenário do Município com o tema “As Crianças Contam Erechim de 0 a 100”. O musical divertido e objetivo prendeu a atenção do público, que lotou a casa, ao trabalhar fatos históricos divididos em temas enumerados que ao final somavam 100 pontos.

Cada destaque era interpretado por um grupo de alunos no palco com o suporte de grandes telões complementando o cenário da narrativa, um dos recursos que imprimiram ainda mais dinâmica ao espetáculo dos alunos. Além da arquitetura, monumentos e desenvolvimento ao longo das décadas, as etnias e celebridades do Município foram retratadas com a criatividade que conduziu todo o espetáculo.

Completando a beleza da noite, o momento da entrega do marco do centenário, projeto lançado em abril pela Secretaria Municipal de Educação onde cada escola desenvolve o seu monumento como símbolo da data comemorativa de Erechim e que fica eternizado no ambiente escolar. A ideia do marco da EMEI Bôrtolo Balvedi foi um quadro com dois compartimentos que abrigam passado, presente e futuro. Um livro escrito pelos alunos no decorrer deste ano trabalhou toda a narrativa apresentada durante o musical foi depositado no primeiro compartimento do marco. Cada família de aluno recebeu uma ficha para juntos deixarem recados sobre como imaginam o Município no futuro. Estas fichas foram depositadas no segundo compartimento.

Ao prefeito Luiz Francisco Schmidt e à secretária da Smed Vanir Clara Bombardelli, que prestigiavam o evento, coube a tarefa de fixar a chave do cadeado que lacrou o Marco do Centenário da Escola e que será levado para o endereço da unidade onde ficará até a data indefinida de abertura. E assim, “As Crianças Contam Erechim de 0 a 100” deu origem a “cápsula do tempo” construída com a dedicação, criatividade e união de toda a comunidade escolar.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas