25°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,62 Dólar R$ 5,64
0°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,62 Dólar R$ 5,64

Publicidade

Rural

Deputado Paparico reivindica crédito especial para os produtores de leite

Proposta para criação de linhas de financiamentos com prazos e juros específicos para o setor foi encaminhada ao Banrisul

Deputado Paparico Bacchi
Por Assessoria
Foto Irineu Fontela Filho/Divulgação

O deputado Paparico Bacchi reivindica linha de crédito especial para produtores gaúchos de leite. Em requerimento aprovado na reunião da Comissão de Agricultura, Pecuária e Cooperativismo o líder da bancada do Partido Liberal sugere que Banco do Estado do Rio Grande do Sul (Banrisul), disponibilize recursos específicos para construção e instalações de confinamentos, aquisição de equipamentos e matrizes. 

A proposta é de empréstimo com juros e condições semelhantes ao que dispõe o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar, com dez anos para pagamento e prazo de carência de dois anos 

Queda nos indicadores da bacia leiteira 

Paparico Bacchi argumenta que nos últimos quatro anos, mais de 33 mil produtores gaúchos abandonaram a atividade leiteira nas propriedades ligadas a agricultura familiar. O parlamentar aponta ainda que nos últimos anos o rebanho gaúcho sofreu redução de aproximadamente 245 mil cabeças produtivas, chegando ao final de 2019 com apenas 930 mil vacas leiteiras. Os números oficiais coletados pela Emater, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, revelam que 39,82% das famílias desistiram da atividade leiteira e que o número de cabeças produtivas de leite reduziu 20,8%. 

Crédito e incentivos 

“O produtor de leite precisa de incentivo para continuar nesta importante atividade do setor primário. Caso contrário, corremos o risco de Rio Grande do Sul importar leite para o consumo e fomento da indústria alimentícia”, alerta Paparico Bacchi.  De acordo com o deputado “a política atual de coleta e pagamento do leite desestimula e inviabiliza o pequeno produtor, que de forma tradicional, não consegue aumentar sua produção satisfatoriamente para se enquadrar na política do sistema confinado e receber para receber um valor mais justo pelo seu produto”, ressalta. 

Em ofício assinado pelo presidente, deputado Adolfo Brito (PP) a Comissão de Agricultura, Pecuária e Cooperativismo reforça a demanda. O documento foi encaminhado ao presidente do Banrisul, Cláudio Coutinho Mendes. 

 

 

Leia também

Publicidade

Publicidade

Blog dos Colunistas