25°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Segurança

Portador de HIV morde policial militar durante ocorrência

teste
Fato ocorreu durante atendimento de ocorrência envolvendo violência doméstica
Por Ascom/BM
Foto Brigada Militar

Um policial militar foi mordido por um portador de HIV durante atendimento de ocorrência envolvendo violência doméstica, no último final de semana.

O caso foi divulgado na quarta-feira (25) pelo 13º BPM, que preferiu não divulgar o município da área de atendimento onde o fato ocorreu.

Conforme a Brigada Militar (BM), quando a guarnição chegou ao local, o autor estava bastante alterado, já havia agredido a companheira, causando-lhe lesões, e estava relutante em atender as ordens dos policiais. Foi necessário imobiliza-lo e neste momento o homem mordeu a mão de um dos policiais, colocando em risco a saúde do militar estadual.

Ainda de acordo com a BM, o brigadiano foi encaminhado para atendimento médico e deverá tomar medicações durante 30 dias, sendo que os remédios podem provocar mal-estar, cansaço e afetam o fígado. Ele também foi submetido ao teste de HIV durante o atendimento e deverá realizar mais dois testes, um depois de três meses e outro após seis meses. Com o uso da medicação o risco de contrair a doença é baixo.

 

Ser policial

Na nota divulgada para a imprensa o comando do 13º BPM citou que “ser policial é escolher uma profissão honrada e essencial para a vida do cidadão, são os policiais que protegem a sociedade contra diferentes tipos de perigo e arriscam suas próprias vidas para garantir a ordem e segurança.

Ser policial militar é viver sob uma situação de risco constante. E quando falamos em risco, não estamos falando somente dos ‘corriqueiros’, como disparos de arma de fogo, ser alvo de bandidos, confrontos, falamos também no risco a saúde e integridade física”.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas