Publicidade

Esportes

Coutinho marca seu primeiro gol com a camisa do Barcelona

Com gols de Coutinho e Rakitic, o Barça derrota o Valencia fora de casa e vai disputar a sua 40ª final da Copa do Rei, a quinta consecutiva

Coutinho.jpg
Por Assessoria de Imprensa
Foto Miguel Ruiz

FC Barcelona segue fazendo história. Com gols de Philippe Coutinho e Ivan Rakitic, ambos no segundo tempo, o clube catalão derrotou o Valencia nesta quinta-feira, em pleno estádio Mestalla e garantiu a vaga na sua 40ª final da Copa do Rei, a quinta consecutiva.

Desse modo, o Barça pode conseguir pela primeira vez na sua história o tetracampeonato da competição e também terá a oportunidade de ampliar a sua vantagem como Rei da Copa ao atingir a impressionante marca de 30 títulos. Para isso, terá que derrotar o Sevilla na grande final, no próximo dia 21 de abril.

Equilíbrio sem gols

Ernesto Valverde surpreendeu na escalação ao apostar pela força defensiva de André Gomes no lugar da habilidade de Coutinho. A escolha tirou poder de fogo do Barça que, apesar de ter um leve domínio da partida, sofreu para criar perigo no ataque. As únicas chances vieram através de uma falta bem cobrada por Messi e um chute de Suárez, ambos defendidos por Jaume. 

Do outro lado, os donos da casa esperavam o momento certo para explorar os contra-ataques e com esse recurso conseguiu assustar a defesa culé duas vezes, ambas com Rodrigo. Na primeira, o travessão salvou o Barça. Na segunda, Cillessen parou o forte disparo do atacante do Valencia. Com o equilíbrio, a etapa inicial finalizou com um empate sem gols.

A estrela de Coutinho

No intervalo, Valverde retificou e colocou Philippe Coutinho no lugar de André Gomes. O efeito foi imediato. Na sua primeira participação efetiva no ataque, o 

brasileiro aproveitou um cruzamento de Suárez da esquerda e chutou cruzado, quase caído, para abrir o placar e marcar o seu primeiro gol pelo Barça.

O gol deu mais confiança ao clube catalão, que soube anular com um bom trabalho coletivo o ímpeto do Valencia. Paulinho entrou no lugar de Iniesta e deu um novo fôlego no meio de campo. O Barça aumentou a pressão e, na reta final da partida, Rakitic recebeu um passe de Suárez e ampliou. No fim do jogo, Yerry Mina fez a sua estreia com a camisa azul-grená. 

 

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas