Euro R$ 3,99 Dólar R$ 3,24

Publicidade

Geral

Unimed Erechim apresenta case de sucesso em Brasília

Por Assessoria de imprensa
Foto Divulgação

A Unimed Erechim apresentou, em Brasília (DF), um de seus mais importantes e atuais recursos estratégicos: a gestão do conhecimento. O trabalho - coordenado pelo assessor de Governança Corporativa, médico Rubens José Munaretto, e conduzido pela área de gestão da qualidade - foi apresentado nos dias 30 e 31 de janeiro, durante o workshop de Boas Práticas de Gestão e Governança 2018, promovido pela Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB) e Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop). O evento contou com a presença de cooperativas reconhecidas pelo Prêmio Sescoop Excelência de Gestão, ciclo 2017/2018 e autoridades, como o presidente executivo da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ), Jairo Martins da Silva, que fez menção especial à Unimed Erechim. No workshop, a cooperativa médica foi representada pelo vice-presidente, Paulo César Rodrigues Martins, e pela colaboradora Giseli Caldeira.

O case intitulado “Gestão do Conhecimento no Projeto Acreditação RN 277”, mostra como a cooperativa tem alcançado grandes resultados ao gerenciar o conhecimento produzido. Embora personalizada, a metodologia pode ser aplicada a qualquer projeto ou prática de gestão e tem a capacidade de agregar valor tangível e intangível aos produtos, serviços e partes interessadas.

Giseli explica que a necessidade de gerir a produção de informações deu-se a partir do déficit de conversão do conhecimento tácito em explícito. “Com isso, a tendência no futuro, caso nenhuma ação fosse tomada, seria a defasagem em relação ao conhecimento presente na organização”, pondera.

Diante deste cenário, a cooperativa adotou o método disseminado pela Sociedade Brasileira de Gestão do Conhecimento (SBGC) – que contempla oito etapas – e o alinhou ao ciclo do PDCA (identificação do problema, análise do fenômeno, análise do processo, plano de ação, execução, verificação, ação e padronização). Assim, passou-se a tratar a produção de conhecimento como um processo formalizado e incorporado ao Sistema Integrado de Gestão da Unimed Erechim (Sigue).

De acordo com o assessor de Governança Corporativa, Rubens Munaretto, desta forma é possível inter-relacionar quaisquer práticas organizacionais e criar modelos para a gestão do conhecimento. “O Projeto Acreditação RN 277 é um exemplo de alinhamento da metodologia à implementação da prática”, avalia.

O alinhamento permitiu à cooperativa a manutenção do nível máximo no Programa de Acreditação (conquistado em 2015), com melhora no desempenho nas auditorias de supervisão, realizadas em 2016 e 2017; elevação do percentual de documentos padronizados; incremento no índice de satisfação de clientes, que ficou acima de 95%; e 136 solicitações de benchmarking. O projeto foi coroado pela conquista do Troféu Prata – Primeiros Passos para Excelência Prêmio Sescoop Excelência em Gestão.

Entretanto, para o vice-presidente da cooperativa médica, Paulo César Rodrigues Martins, além de resultados quantitativos, o trabalho também mudou a cultura organizacional. “É perceptível a mudança de atitude dos colaboradores, seja no trabalho em equipe ou na visão sistêmica e compartilhada. Estes aspectos contribuem para o desenvolvimento sustentável e nos preparam para as transformações sociais e econômicas, assim como nos conduzem a ações eficazes diante dos desafios do mercado e das expectativas de clientes, cooperados, sociedade, prestadores de serviços e fornecedores”, afirma. Todas as despesas com a participação no evento foram arcadas pelos realizadores do workshop.

 

Publicidade

Blog dos Colunistas