Publicidade

Geral

Integrantes do CTG Sentinela da Querência conquistam prêmio estadual

Rafaela Tormen e Vitor Wiest alcançaram o terceiro lugar em concurso de dança tradicionalista

Rafaela Tormen e Vitor Wiest alcançaram o terceiro lugar em concurso de dança tradicionalista
Por Assessoria de Imprensa
Foto Divulgação

Representantes do CTG Sentinela da Querência conquistaram o terceiro lugar do concurso estadual de danças tradicionalistas, o 24° Festmirim, sediado em Santa Maria. A entidade foi representada por Rafaela Tormen e Vitor Wiest.

O resultado se deve também aos professores, Angela Zanin e Diogo Pavão, da cidade de Marau. “Sem eles nada disso seria possível. Nós agradecemos de coração pela disponibilidade e apoio aos nossos filhos”, diz Andersson Wiest, pai de Vitor.

Wiest comenta também sobre o nível da competição e da emoção do resultado. “É um festival muito difícil porque todos os que se apresentam ensaiam muito, mas eles também se dedicaram e mereceram essa conquista. O resultado é importante, mas o que realmente fica guardado é o sentimento de poder compartilhar estes momentos com todos que cultuam a tradição gaúcha.”

A patroa da entidade, Roseli Battisti, se mostrou orgulhosa pela participação do casal. “Nós estamos imensamente felizes por saber que mesmo tão novos eles já amam o que fazem e representam com o coração o nosso querido Sentinela. Que este seja só o começo de tantas conquistas que ainda virão”, comenta.

O CTG Sentinela da Querência também já fez história neste Festival com a Invernada Mirim no ano de 2016 quando se classificaram para a final da competição de Danças Tradicionais e ficaram entre os 15 melhores grupos do estado, dentre os 40 participantes.

 

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas