Publicidade

Geral

Fórum debate primeira infância

Discussões estão ocorrendo no I° Fórum Regional da Primeira Infância

Mesa de abertura
Por Assessoria de Imprensa
Foto Divulgação

Nas dependências do Salão de Atos do Instituto Barão do Rio Branco, ocorreu na manhã desta sexta-feira (5), o I° Fórum Regional da Primeira Infância. O evento foi promovido pelas Secretarias da Saúde, Educação e Assistência Social e 11ª Coordenadoria Regional da Saúde.

Na abertura, o secretário da Saúde, Jackson Arpini destacou a preocupação da sociedade com a saúde, em especial no que se refere as crianças de 0 a 6 anos de idade, época importante para a sua formação. “Um tempo de aprendizagem, visto que 75% da energia desta fase vai para o sistema neurológico. Temos um papel muito importante nesta fase para a formação de futuros cidadãos. Este é um Seminário de abrangência Regional, um momento em que estamos falando de carinho, amor e atenção, de interagir com o bebê. Colocar informações de afeto e de carinho”.

Ângela Socol, adjunta da Secretaria de Educação pontuou que o Seminário vem ao encontro do trabalho que é realizado no dia a dia com as crianças. “A Educação Infantil é a primeira fase da criança, pois tudo que elas acabam vivenciando é absorvido”.

Fabiana Cavagni, adjunta da Pasta da Assistência Social destacou a importância do evento, de debater a superação das vulnerabilidades sociais. “Um momento de estimular a primeira infância, o que proporciona grandes avanços para que as crianças sejam protagonistas de sua vida e história”.

Eliana Lira, psicopedagoga da 11ª Coordenadoria Regional de Saúde também pontuou a realização do Seminário como de grande importância para debater sobre a primeira infância. “Este é um trabalho importante e integrado entre todos os parceiros envolvidos. De analisar sobre o que as mães fazem com seus filhos. Este é um momento de grande aprendizado”.

Representando o poder Legislativo, o vereador Alderi Oldra saudou todos os profissionais que fazem este trabalho com as crianças. “A educação transforma as pessoas. Realizamos um grande trabalho na ponta, mas muitas vezes as leis atrasam investimentos, como na área da educação, o que acaba prejudicando um trabalho que está sendo realizado. Erechim tem feito a sua parte, lembrando que o investimento no Brasil gira em torno de 25% e em Erechim se ultrapassa os 50%.

Por fim, o prefeito Luiz Francisco Schmidt enalteceu as manifestações anteriores, pontuando que o momento remete a uma reflexão de cada um de nossos passos. “Importante, neste dia, falarmos sobre o tema primeira infância, amor e carinho as nossas crianças, pois caminhamos ao longo de nossa vida e gostaríamos de parar um pouco para ver a nossa caminhada”.

Ao citar Fernando Pessoa, falou sobre a formação do caráter das crianças. “Nenhuma criança, em sua infância, brincou de ser político ou agente fiscal do tesouro, ou de ser mãe e pai com as suas responsabilidades. Como é bom ter vivido com toda a intensidade a primeira infância e poder dizer, como bom é ser como eu sou”

Nos trabalhos da manhã, palestra com o tema “Como transformar o que sabemos sobre a primeira infância em ações eficazes para o fortalecimento das crianças e famílias da nossa sociedade”, com a psicóloga e professora e Mestre Giuliana Chiapim da capital do Estado.

Á tarde, Palestra e Dinâmica: Bem Estar Laboral, com Daniela Carina Michelin, Técnica em Segurança do Trabalho – CEREST Alto Uruguai e instrutora de Yoga, e “Transtorno do Espectro do Autismo: Conceito e Diagnóstico” com o professor e Mestre Daniel da Silva Costa de Santa Maria.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas