16°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,32 Dólar R$ 5,38
0°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,32 Dólar R$ 5,38

Publicidade

Região

Maximiliano de Almeida: projetando o presente e o futuro

Audiência Pública dá andamento à construção do Plano Diretor

Audiência Pública dá andamento à construção do Plano Diretor
Por Assessoria de Comunicação
Foto Divulgação

O município de Maximiliano de Almeida realizou na semana passada mais uma etapa para a construção e definição das normativas do Plano Diretor do município.

A audiência pública por definição tem a finalidade de acolher as contribuições da comunidade e construir com os apontamentos o plano de atuação. Desta forma, o Plano Diretor busca estudar as potencialidades locais e projetar um município próspero, estruturado e zoneado.

Com a colaboração de Vinícius, um dos apontamentos observados é a vocação local para o turismo alicerçado na parte ambiental e cultural, com a existência de 18 sítios arqueológicos em potencial para serem explorados, além da zona de mineração. Para ele, é possível a partir do Plano, organizar a cidade com ampliação do perímetro urbano, restringindo a altura das edificações e construir cenários com arquitetura italiana, alemã e portuguesa. “A cidade de Maximiliano de Almeida pode ser mais que uma cidade de passagem, sendo uma cidade de permanência”, disse.

O especialista salienta que um dos problemas identificados é a malha viária, que não é organizada e não possui um sistema legível. “Uma cidade legível e organizada dá um outro nível de impressão, a qualidade de vida é mais fácil de ser vivida”, comentou. Neste aspecto, modificar isto é algo que requer investimentos e todas as propostas levarão em conta as viabilidades econômicas para serem transformadas.

Um segundo aspecto analisado, e não menos importante, são os córregos do município que geram as restrições ambientais, fruto de uma lei federal que será considerada pelo município, trata-se das áreas de preservação permanentes (APPs). A proposta é criar soluções e respeitar as leis ambientais.

A prefeita de Maximiliano de Almeida, Dirlei Bernardi dos Santos, agradeceu a comunidade pela participação em mais um passo na construção de um plano tão significativo. Para ela é preciso desenvolver, crescer e planejar o município para proporcionar melhores condições aos munícipes e as futuras gerações.

Os próximos passos do Plano Diretor serão acolher as contribuições da comunidade, discutir com entidades o planejamento, a projeção é que até o final do mês de março seja encaminhada proposta ao Poder Legislativo para passar pela votação de aprovação e, assim, passar a ser executado.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas