16°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,41 Dólar R$ 5,44
0°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,41 Dólar R$ 5,44

Publicidade

Região

Projeto técnico para asfaltamento da ERS 477 é apresentado para prefeitos

Municípios de Centenário e Carlos Gomes uniram forças para buscar asfaltamento da rodovia

jpg
Por Da Redação/ Ascom
Foto Luciano Breitkreitz/Divulgação

A apresentação do projeto técnico para asfaltamento da ERS 477 aconteceu na manhã da última quinta-feira (23) de abril, na Câmara de Vereadores de Centenário. O projeto foi apresentado pelo engenheiro civil e gestor da empresa LCDA Lauson Serafini. A contratação da empresa para elaboração do projeto técnico de asfaltamento da rodovia é realizada por meio de um convênio de cooperação entre os municípios de Centenário e Carlos Gomes que uniram forças para buscar o asfaltamento da rodovia.

Participaram da apresentação o prefeito de Centenário, Hilário José Kolassa; o prefeito de Carlos Gomes, Egídio Moreto; além de demais lideranças dos municípios. Para o prefeito Kolassa, o projeto técnico é fundamental para a busca pelo asfaltamento. “Agradeço ao prefeito Moreto pela parceira, assim como fizemos em outros projetos se unindo com outros municípios, temos essa parceria agora com Carlos Gomes para a obra do asfalto da ERS 477. Então independentemente de partido, os prefeitos precisam se preocupar e se unir para o bem da população”, destacou Kolassa.

O prefeito Moreto também destacou a importância da união para a conquista do asfaltamento da rodovia. “Esse é um projeto almejado por todo o Alto Uruguai, as populações de Centenário e Carlos Gomes, então juntamente com o prefeito Hilário agradecemos pela rapidez do engenheiro para apresentar o projeto. É uma satisfação muito grande para nós que tomamos a iniciativa e vamos lutar pelo asfaltamento”, disse.

Durante a apresentação, foram solicitadas duas adições no projeto, uma para contemplar uma ponte de Carlos Gomes e outra para criação de um acostamento na rodovia. “Apresentamos a parte técnica, colhendo sugestões dos prefeitos para fazer a revisão final e entrega para o Daer. A partir daí esse projeto é encaminhado para o setor de projetos da autarquia, eles fazem a análise técnica, podendo solicitar ajustes para que em um futuro próximo possa ser realizada a obra”, explicou o engenheiro Lauson.

Conforme o engenheiro, o projeto buscou manter o traçado original da estrada, fazendo os ajustes para colocar a rodovia dentro dos parâmetros exigidos. A rodovia está sendo projetada para atender um horizonte de dez anos, sendo que foram estimados dois anos para ocorrer a obra, com a previsão de crescimento do tráfego de 5% ao ano.

Relembre a parceria

Em 2019 foi assinado um termo de cooperação com o DAER – Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem, possibilitando que os municípios assumissem a responsabilidade financeira do projeto. A busca pelo acesso asfáltico até Centenário é uma demanda muito antiga da população regional, sendo essencial para fomentar o desenvolvimento local.   O custo para elaboração do projeto técnico está sendo dividido entre os dois de acordo com a quilometragem de cada um para realização do asfalto.

Conforme o prefeito Kolassa, após o projeto técnico, será preciso promover a elaboração do projeto ambiental, para então iniciar um novo desafio que é solicitar e cobrar do Daer a realização da obra.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas