22°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,25 Dólar R$ 5,29
0°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,25 Dólar R$ 5,29

Publicidade

Geral

Condicionais: pandemia demanda cuidado redobrado na prova de roupas em casa

Orientações da Câmara de Dirigentes Lojistas de Erechim (CDL), indica que produtos devem ser higienizados antes e depois do contato com os clientes

Com medidas de distanciamento social, as vendas online estão aumentando
Por Amanda Mendes
Foto Izabel Seehaber

A pandemia provocada pelo novo coronavírus alterou a dinâmica de diversos setores, como é o caso das atividades comerciais e, principalmente, varejistas de roupas. O “novo normal” está implicando a adoção de uma série de medidas para evitar as contaminações pela covid-19.

Com aumento das vendas online nesse período de distanciamento social, o ato de provar as roupas em casa, as chamadas "condicionais", está se tornando mais comum. Contudo, essa alternativa requer cuidado redobrado.

Segundo a Câmara de Dirigentes Lojistas de Erechim (CDL), os produtos devem ser higienizados antes e depois do contato com os clientes. “As lojas devem higienizar as peças antes do envio e quando retornam da casa dos clientes. Ainda, nas condicionais ou no delivery, devem ser observadas normas em que exigem que os entregadores usem equipamentos de proteção e evitem o toque nos produtos que serão entregues”, destaca nota enviada pela assessoria de comunicação ao Jornal Bom Dia.

Protocolos nas lojas

A CDL ressalta, ainda, que muitas empresas fizeram investimentos para trazer conforto e segurança aos clientes. “Além disso, enquanto entidade representativa, atuamos fortemente na conscientização de que todos devem usar máscara permanentemente, lavar as mãos com água e sabão ou usar álcool em gel 70% e evitar aglomerações. Assim, todas as empresas estão fazendo a sua parte, demarcando espaços para filas, solicitando que os clientes mantenham distanciamento mínimo recomendado, oferecendo álcool em gel para os clientes e colaboradores, higienizando os materiais tocados e os produtos que estão à venda constantemente”.

“A CDL conclama a comunidade para que respeite os protocolos sanitários para que nossa cidade consiga passar por essa fase tão difícil, sem causar prejuízos ao setor produtivo. São mais de cinco mil empregos somente no setor de comércio varejista em Erechim, milhares de famílias que mantêm o seu sustento com o emprego destes comerciários. Somos responsáveis uns pelos outros, assim, se todos fizerem a sua parte, sairemos deste momento tão difícil muito mais unidos e fortalecidos”, conclui a nota.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas