14°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Publicidade

Esportes

Ypiranga empata em casa com o Manaus e se complica no quadrangular

teste
Gols saíram na segunda etapa
Por Alan Dias
Foto Giramundos.br

O Ypiranga empatou com o Manaus na noite deste domingo (24) e ficou em situação muito complicada no quadrangular final do Campeonato Brasileiro Série C.

A equipe de Erechim jogou em casa, fez boa partida, mas não conseguiu transformar as chances em efetividade e a partida encerrou em 1 a 1.

O resultado deixou o time com dois pontos, na última posição e agora a equipe de Erechim precisa vencer as duas partidas que restam e torcer por resultados favoráveis nos outros jogos. O Canarinho recebe o Novorizontino no próximo sábado (30) e no dia 6 vai a Minas Gerais enfrentar o líder Tombense.

O torcedor reconheceu o esforço da equipe de Erechim e aplaudiu o time após o apito final. Foram 15 finalizações do Canarinho e oito do Manaus.

 

Primeiro tempo

O jogo começou com as equipes tendo dificuldades para escapar da marcação adversária e cometendo faltas. Aos poucos os atletas foram encontrando seu futebol e os dois lados tiveram, poucas, mas boas oportunidades para abrir o placar.

Enquanto o Ypiranga apostava no toque de bola e aproximação para chutes a gol, o Manaus jogava atrás da linha da bola, tentava os contra-ataques e cruzamentos para a área.

Aos 8’, Clayton sofreu falta de Júlio Rusch e ao cair, acabou atropelado por Gabriel Davis, que com a perna atingiu a cabeça do volante do Ypiranga. O atleta tentou continuar na partida, mas sentiu tonturas e foi encaminhado de ambulância para o hospital.

 

Segundo tempo

O Ypiranga voltou mais agressivo para a segunda etapa e nos 10 primeiros minutos chegou quatro vezes com perigo. O Manaus buscava escapar em contra-ataques e assustou em duas oportunidades.

O Canarinho manteve a agressividade e velocidade no ataque, mas parava na última linha de defesa ou nos chutes para fora. Os visitantes insistiam nos contra-ataques, mas sem velocidade, pouco ameaçavam e valorizavam as faltas para o tempo passar.

E quem não faz, leva. Aos 36’, Guilherme Pira fez bela jogada individual, passou pelos zagueiros e bateu forte no canto esquerdo de Deivity para abrir o placar. Mas o Manaus não teve tempo para comemorar. O Ypiranga recuperou a bola logo após o reinício e depois de cruzamento para a área, Erick chutou, o goleiro espalmou para o travessão, Erick tentou novamente para outra defesa do goleiro, mas Cristiano apareceu e mandou para o gol.

Publicidade

Blog dos Colunistas