22°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 4,37 Dólar R$ 3,84
22°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 4,37 Dólar R$ 3,84

Publicidade

Região

Prefeito eleito de Mariano Moro diminuirá secretarias

Prefeito eleito Irineu Fantin
Por Paola Seibt - paola@jornalbomdia.com.br
Foto Paola Seibt

Com esta iniciativa, haverá uma economia de R$ 200 mil anuais

 

O prefeito eleito de Mariano Moro, Irineu Fantin (PDT), projeta um quadro de enxuto na administração municipal a partir de 2017. O objetivo é diminuir os gastos com a folha de pagamento para conseguir investir em serviços para a população. De acordo com ele, o orçamento do município gira em torno de R$ 13,2 milhões e a folha de pagamento chega a R$ 7,2 milhões. “Praticamente R$ 1 milhão acima dos 50% permitido,” explica.

A primeira atitude que pretende fazer quando assumir é cortar três, das nove secretarias que atuam hoje. Com esta iniciativa, haverá uma economia de R$ 200 mil anuais. Também pretende desligar alguns cargos em comissão. Nos quatro primeiros meses de 2017 não deverá nomear nenhum secretário municipal. “Os cortes são para manter o município e conseguir fazer o mínimo em saúde, educação e agricultura, pois é ai que vamos fazer a diferença,” pontua. Ele considera que são muitas nove secretarias para um município como Mariano Moro, de 2.200 habitantes. “Vamos ter dificuldades no primeiro ano, mas a mudança é necessária. Os governos municipais têm que fazer primeiro a sua parte e não se queixar do governo do Estado e do governo federal. Não podemos esperar dinheiro, pois já vem muito pouco, então, os municípios vão ter que ir se adequando,” completa. 

Em todas as áreas, a ordem será economizar, reduzir gastos e pessoal. Entre outros cortes que pretende fazer, a economia deve chegar a R$ 1milhão. “Na agricultura tem cinco chefes, vamos ficar com dois. Na secretaria de obras são 11 chefes, vamos ficar com dois,” confirma.

Com a expectativa de que a diminuição de gastos se concretize, sobrará recursos para investir no interior e cuidar mais da cidade.

Projetos

A economia do município é baseada na agricultura, especialmente no gado de leite, por isso, um dos programas a ser implementado será o de inseminação artificial.  “Vamos contratar uma empresa que faça a prestação do serviço, pois daqui a quatro anos vamos ver os investimentos e estas vacas e novilhas vão estar produzindo. Esta é uma maneira de incentivar o agricultor,” afirma. Além disso, pretende priorizar programa de troca-troca de sementes de milho, aveia e outras sementes de plantio de inverno e verão.

Na questão de obras no interior, planeja fazer com que as máquinas se desloquem todas para uma determinada comunidade para fazer todo trabalho naquele local e assim por diante.

Trajetória

Irineu Fantin já foi prefeito de Mariano Moro na gestão 2001 a 2004 e, anteriormente, secretário da Agricultura. Ele é técnico em agropecuária e agricultor.   

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas