Publicidade

Economia

Crescimento nas vendas, mas com moderação do consumidor

A tendência, segundo CDL, é maior procura por roupas, brinquedos e livros

Média de crescimento nas vendas é estimado de 1,5% a 2%
Casal Elisa Salete Kostaneski e Vitalino de Oliveira
A vendedora Marinez Cortina aproveitou a manhã de ontem para comprar o presente do neto
“Esse mês a gente espera vender bem”, afirma comerciária Thais Vanusa da Rosa
Por Ígor Dalla Rosa Müller
Foto Ígor Dalla Rosa Müller

O Dia da Criança, comemorado no próximo dia 12, movimenta muito o comércio. Nesse ano, segundo os lojistas, a expectativa é boa com crescimento nas vendas. A tendência é que a maior procura dos consumidores seja por roupas, brinquedos e livros.

Segundo a comerciária Rosangela Correa, a expectativa de vendas é muito boa para o Dia das Crianças. “Já tem bastante movimento, o público está buscando mais confecções, que tem um preço acessível e são mercadorias bonitas”, observa. Conforme Rosangela, essa é uma das datas mais importante do ano para o comércio, as vendas já cresceram e podem chegar a 20% a mais do que no ano anterior. “Os consumidores estão procurando o comércio mais popular”, destaca.

A vendedora Marinez Cortina aproveitou a manhã de ontem para comprar o presente do neto, que foi junto com a vó escolher o chinelinho. “Dei uma lembrança para não deixar passar em branco, mas economizando”, comenta.

O aposentado Vitalino de Oliveira e a dona de casa, Elisa Salete Kostaneski, estavam pesquisando preços no centro de Erechim, no dia de ontem, para comprar o presente da filha de seis anos. “Estamos procurando um presente para ela, o objetivo é gastar no máximo R$50 com brinquedo, porque ela gosta bastante e essa é uma época de criança, para se divertir e marcar a infância”, observa.

“Esse mês a gente espera vender bem, porque é uma data importante para o comércio, junto com o Natal”, afirma a comerciária Thais Vanusa da Rosa, de uma loja para crianças no centro de Erechim, que trabalha com roupa masculina e feminina de 0 a 16 anos. Ela explica que já começou a procura por presentes e o movimento deve melhorar nos próximos dias. “Os consumidores acabam sempre deixando para última hora, mas a expectativa é boa”, ressalta. E, acrescenta, “a expectativa está grande esperando um movimento bom nas vendas”.

CDL

A presidente da CDL Erechim, Arlei Lucia Balestrin Cavaletti, afirma a média de crescimento estimado nas vendas para o Dia das Crianças é em torno de 1,5% a 2%, e a tendência é pela procura de roupas, brinquedos e livros. Segundo Arlei, para estimular as vendas a CDL está fazendo uma campanha para o mês da criança, o cliente que comprar nas lojas associadas à grade de eventos, cada loja vai sortear um pacote de ingresso para o parque de diversões da Frinape 2018. “A cada R$50 em compra vale um cupom, além de participar do show de prêmios, e no dia seis de janeiro faremos o sorteio de um carro  zero km e mais 49 prêmios”, comenta.  

Publicidade

Blog dos Colunistas