Publicidade

Blog de Rodrigo Finardi

  • Prédio dos Correios: o tempo passa e o descaso avança

    Por Rodrigo Finardi
    Foto Rodrigo Finardi

    Por mais que tente puxar na memória, não consigo lembrar quantas vezes já foram feitos anúncios da reforma do prédio dos Correios em Erechim na Avenida Salgado Filho, que está abandonado há muito tempo, mais de década.

    O prédio foi construído nos anos de 1960 e por muito tempo foi o local dos erechinenses para enviar suas correspondências, num tempo que não existia internet e era a principal forma de comunicação pessoal e profissional.

    Em várias oportunidades abordei sobre o abandono do prédio público, e que estava sendo usado por pessoas para o consumo de drogas, sem contar o acumulo de ratos e outros bichos. Sempre olhando pela fachada principal.

    No decorrer desses anos, foi colocado um tapume, para evitar a entrada de pessoas, anunciado até projeto, como em 2013. Mas nunca sai do projeto, que ninguém vê.

    No início dessa semana, registrei uma foto da parte dos fundos do prédio, que mostra pichações, sem janelas. O tempo passa e o descaso avança...    

     

    Processo seletivo interno para poder concorrer

    Erechim deverá ter mais um pré-candidato a deputado estadual. Trata-se de Thiago Araldi, do Partido Novo. Mas para efetivar sua candidatura está passando por um processo seletivo interno que compreende três etapas.

    Na noite de quinta-feira (17), Thiago fez apresentação para um grupo de pessoas na Câmara de Vereadores, mostrando os diferenciais do partido. Essa é mais uma etapa até virar pré-candidato: “o objetivo desta etapa é verificar a capacidade de exposição do participante e seu domínio sobre o tema”, comenta.

    Thiago já passou por duas etapas e na próxima semana terá uma prova, para depois saber se foi aprovado internamente, para então virar pré-candidato e seu nome será colocado a apreciação da convenção estadual.

     

    Primeiro o telhado, depois o prédio

    Em várias oportunidades escrevi sobre o Painel Pretas Contas que ficava ao lado da prefeitura, sem serventia alguma, e acabou sendo retirado. Ele, em péssimas condições, contracenava com o estado deplorável do prédio.

    No lugar dele, por hora, foi colocada uma placa sinalizando a obra de recuperação do telhado ao custo de poucos menos de R$ 15 mil reais. Após essa fase concluída, deve iniciar a reforma do prédio, que está com licitação em curso.  

     

    Vaquinha virtual

    O pré-candidato a deputado estadual, Juliano Roso, foi o primeiro parlamentar do RS que irá a reeleição a fazer a inscrição para a captação de recursos via internet para sua campanha. Trata-se do “crowdfunding”, conhecido como ‘vaquinha virtual’, através de sites autorizados pelo Tribunal Superior Eleitoral.

    É uma forma legal de arrecadação, através de doação de pessoas físicas, já que empresas não podem mais repassar valores. “O objetivo é promover a participação e engajamento dos eleitores na pré-campanha, mobilizando os filiados, apoiadores, simpatizantes e amigos”, destaca o deputado.

     

    Ministério Público e abraço na praça

    Antes da apresentação do projeto de revitalização da praça Daltro Filho, os vereadores Ilgue Rossetto (PV) e Ale Dal Zotto (PSB) estiveram no Ministério Público para falar sobre a retirada das árvores que deverão ser transplantadas no mesmo espaço.

    Segundo Ilgue, o objetivo é formalizar uma denúncia ao MP sobre o tema: “estamos analisando qual o teor da denúncia”. Paralelo a isso, o vereador que já tem um abaixo assinado, dos contrários a essa prática de retirar e trocar de lugar as árvores, pretende organizar alguma ação para mobilizar a população. Entra elas a possibilidade de um abraço na praça, com centenas de pessoas.

Blog dos Colunistas

Publicidade

Horóscopo

Virgem
23/08 até 22/09
A fase lunar nova ocorre no signo anterior ao seu,...

Ver todos os signos

Publicidade