Publicidade

Cultura

Feira do Livro: muito além da rua, uma integração pela literatura

Solenidade de abertura foi realizada hoje (26) e exaltou o potencial em fortalecer a leitura

Abertura oficial da 20ª Feira do Livro
Momento em que a patrona da 19ª Feira do Livro Neide Piran passa o sino para o novo patrono Elídio S
Momento da execução do Hio Nacional
Por Amanda Mendes
Foto Rodrigo Finardi

“Erechim: 100 anos em palavras”, esse é o tema que vai guiar mais uma viagem pela literatura, na vigésima edição da Feira do Livro de Erechim. A solenidade de abertura foi realizada na noite de hoje (26), na Rua Nelson Ehlers. 

O evento promete tornar a semana ainda mais especial para a difusão da cultura, suscitando a imaginação dos erechinenses. 
A solenidade de abertura contou com a presença da patrona da 19 Feira do Livro, Neide Piran, do patrono Elídio Scaranto, do homenageado Jacir De Lazzari, da secretária municipal de Educação, Vanir Bombardelli, do presidente do Poder Legislativo, Rafael Ayub e do prefeito Luiz Francisco Schmidt. 

Neide Piran se despede do papel de patrona 
Em seu discurso de despedida do papel de patrona, Neide Piran, enalteceu o potencial da feira em fortalecer a tríade da educação, do conhecimento e da cultura. Neide, ressaltou que se despede do cargo e jamais da Feira do Livro. 
Na oportunidade, a ex-patrona salientou o engajamento da organização do evento em um cenário de dificuldade financeira e demonstrou que a feira proporciona o desenvolvimento dos sentimentos de alteridade, reciprocidade e complementaridade entre as pessoas. 

O compromisso com a história 
O patrono dessa edição, Elídio Scaranto, comentou que o convite causou surpresa. O sentimento se justifica em função dos critérios estabelecidos para a escolha dos patronos. 
“Desde o início, há 42 anos, ao criar a feira, pensamos que os patronos e patronas deveriam ter obras editadas. Eu, não me encaixava no perfil”, argumentou Scaranto. No entanto, aceitou o convite em função da sua trajetória em cerca de 12 anos à frente da Secretaria de Educação. Desta forma, Scaranto marca história nas organizações do evento. 
“Fico honrado e faço voto que essa edição faça jus aos que me antecederam”, ressaltou o atual patrono. 

Uma feira que ganhou a rua para conquistar a população

O local onde está sendo realizada a feira, a rua Nelson Ehlers, ganhou destaque nos pronunciamentos. O homenageado Jacir De Lazzari demonstrou que a iniciativa fortalece a economia criativa, da qual se apresenta como alternativa para a crise das editoras de livros. De Lazzari defende que o futuro da comercialização de livros está no retorno das pequenas editoras e dos “livreiros”. 
O espaço também ganhou atenção da secretária Vanir Bombardelli, em que para ela representou um desafio à organização. Para Vanir, o evento tem o compromisso de transcender o aspecto comercial e proporcionar um resgate da cidadania e integração entre as pessoas. 
Os discursos foram encerrados pelos representantes dos poderes Legislativo e Executivo, Rafael Ayub e Luiz Francisco Schmidt, que saudaram o empenho engajado de todos que estão envolvidos na organização de mais uma Feira do Livro.

Confira a programação de terça-feira (27)

14h – Palco Principal

Luiz Coronel conversa com crianças sobre a importância da literatura

14h às 16h – Espaço Multiuso

Contação de histórias

Realização: EMEI Quatro Irmãos

14h às 17h – Sala SMED

Exposição de Trabalhos Pedagógicos

Realização: EMEF Luiz Badalotti

14h às 17h – Auditório

Contação de histórias e a relação com materiais não estruturados

Realização: Universidade Federal da Fronteira Sul

14h às 17h – Espaço SESC

Contação de histórias – Projeto de Leitura “Pequenos Leitores”

Realização: Kumon/Erechim

14h às 22h – Estande da Biblioteca Municipal

Lançamento e distribuição do Manual de Receitas do Setor de Nutrição da Secretaria Municipal de Saúde

Realização: Secretaria Municipal de Saúde

17h – Auditório

Projeto “Partilhando Leituras” - Anderson Alves Ribeiro (UFFS) e Gerson Severo (UFFS) leem “Origem”  de Dan Brown.

Realização: Universidade Federal da Fronteira Sul

18h30min – Espaço Circulação Feira

Banda EMEF Cristo Rei

19h às 21h– Espaço Multiuso

Contação de histórias – Projeto de Leitura “Pequenos Leitores”

Realização: Kumon/Erechim

19h às 22h – Sala SMED

Exposição de Trabalhos Pedagógicos

Realização: EMEF Luiz Badalotti

19h – Palco Principal

Palestra: Lançamento do Livro de Poesias

Realização: Secretaria Municipal de Educação

20h – Auditório

Sarau Lítero Musical: Grupo Choro com Gleison Wojciekowski, Mulheres de Uniforme, Maturidade Ativa, Primavera de Poesias, Grupo Gillé, Grupo Jupem e Mosaico Criativo Cultural

Realização: Café Cultural de Erechim

 

20h30min – Palco Principal

Palestra: Importância da literatura

Palestrante: Luiz Coronel

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas