14°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Publicidade

Política

Erechim: vereador pede suspensão de lei que permite leiloar áreas verdes

No início da semana, em entrevista ao Bom Dia, o secretário de Meio Ambiente, Cristiano Moreira, havia explicado que o estudo analisou 400 áreas em todo o município. Deste universo, 81 se enquadrariam nos critérios estabelecidos

teste
Divulgação
Por Da Redação regiao@jornalbomdia.com.br
Foto Divulgação/PM Erechim

O vereador Anacleto Zanella (PT) protocolou dois pedidos no legislativo de Erechim. O primeiro solicita a imediata suspensão da aplicação da Lei Municipal nº 6.991/2021, que permite o leilão de 81 áreas verdes no município. O segundo requer esclarecimentos sobre levantamento técnico realizado pela secretaria de Meio Ambiente referente às respectivas unidades.

Em sua justificativa, Zanella sustenta que o projeto 6.991/21 teria sido aprovado pela Câmara considerando que o governo teria dito: “as áreas verdes a serem desafetadas e leiloadas não cumpriam mais a sua finalidade ambiental, pois estavam deterioradas, com pouca arborização e que poderiam ser invadidas por terceiros”. Entretanto, segundo o parlamentar, após a aprovação, foram recebidas denúncias e solicitações para a suspensão da lei, com base em situações que estariam em desacordo com a justificativa apresentada pela prefeitura.

No início da semana, em entrevista ao Bom Dia, o secretário de Meio Ambiente, Cristiano Moreira, havia explicado que o estudo analisou 400 áreas em todo o município. Deste universo, 81 se enquadrariam nos critérios estabelecidos. Na ocasião, ele reforçou o não cumprimento da função ambiental das áreas e seus respectivos custos de manutenção. “Estamos olhando a cidade, e não interesses individuais”, pontuou o secretário – que disse ter levado previamente a discussão a diferentes fóruns de debate.

Moreira observou ainda que, com os recursos oriundos dos leilões, o município deverá estruturar novas áreas de lazer com verde em diferentes bairros da cidade. Parte da verba também será destinada à consolidação do novo Parque do Dourado.

Publicidade

Blog dos Colunistas